top of page

PIONEIRO REVERSO

Um poema de Manuel Rosa de Almeida



Imagem de Anja por Pixabay


PIONEIRO REVERSO


Se nossos ancestrais enfrentaram selvagens florestas

Se precisaram domar a natureza para comer o pão

Tu enfrentarás um quadro de outras arestas

Feitas de saudade, preconceito e solidão.


Mas assim como eles venceram pela tenacidade

Pela confiança, pela coragem e pela união,

Tu também vencerás pela serenidade

E pelos valores que trazes no coração.


És o pioneiro reverso cujo abraço

Deixas na pátria que fica distante.

Guarda na memória da tua terra os traços,

Mas abraça a nova vida confiante.

Pois novas raízes dependem de novos laços

E teu futuro é o conto que escreves doravante.



Comments


bottom of page