top of page

REPUBLICANDO - GOVERNO BOLSONARO

O que foi, realmente, o governo de Jair Bolsonaro?


Imagem de: www.slon.pics / Freepik

Dizem que o brasileiro tem memória curta. Agora, na perspectiva de uma eleição presidencial, a falta de memória é problema sério que traz graves consequências. Para refrescar lembranças do que foi a gestão de Jair Bolsonaro, passamos a republicar - todo domingo - comentários sobre este governo.


Assim, você poderá avaliar toda a trajetória deste governo ( ou desgoverno ). Quando outubro chegar, com os fatos recolocados, você pode formar seu julgamento. E se quiser reconduzir Jair Bolsonaro ao poder, é decisão e responsabilidade sua.


Hoje vamos rever o início do desgoverno na Pandemia, com Bolsonaro desautorizando seu Ministro da Saúde de então, minimizando a COVID-19 e desorientando o povo. Deu no que deu...




QUE VERGONHA, BOLSONARO... - Publicado originalmente em 25/03/2020



O que mais falta o Presidente da República fazer, para que todo brasileiro reconheça que ele é o maior erro de nossa história política?



O que mais se pode dizer? O sujeito é estúpido. O sujeito é arrogante. O sujeito é de uma arrogância estúpida. O sujeito é de uma estupidez arrogante. E, infelizmente, o sujeito é o Presidente da República. Contra todas expectativas, Bolsonaro sempre se supera. Com seu pronunciamento à nação, entretanto, feito em rede nacional na noite desta terça-feira, o capitão ultrapassou todos os limites da estupidez, da arrogância e da incoerência.


A arrogância reside em achar que sabe mais que especialistas do mundo inteiro. Cabe a pergunta: você é médico, Bolsonaro? Mas, por Deus, pense um pouco homem… o mundo inteiro está errado? A Europa está de joelhos, países estão de quarentena… tudo isso por uma gripezinha, um resfriadinho? Você é arrogante ao ponto de achar que sabe mais que epidemiologistas do mundo inteiro? Você, capitão, sabe mais que a OMS - Organização Mundial da Saúde?


A estupidez reside em não conseguir entender o problema. Aparentemente, a simples ideia de alongar a curva do contágio está além da capacidade intelectual do nosso Presidente. A necessidade da quarentena está justamente em alongar a curva do contágio, para que nosso combalido sistema de saúde possa minimamente enfrentar o problema. Se as autoridades de saúde do Brasil inteiro pedem o confinamento voluntário, não é sem razão, Sr. Presidente. Sim, como você diz, talvez para a juventude o coronavírus não implique num grande risco, ainda que jovens também morram de COVID-19. A necessidade de confinar as pessoas de todas as idades, de fechar escolas e tudo que não seja essencial, está na proteção dos idosos, Sr. Presidente.


Vossa Excelência conhece seu país? Acha que nas favelas do Brasil é possível proteger nossos idosos do contágio que virá dos seus parentes? É realizável medidas de prevenção em casas com vinte metros quadrados onde habitam seis a dez pessoas?


Finalmente, quanta incoerência. Certo que incoerência é sua marca registrada, já que você se contradiz rotineiramente. Mas você está claramente desautorizando o seu Ministro da Saúde! Por sinal, um dos poucos Ministros que está fazendo um bom trabalho. A mensagem que você passou, confunde a população, porque enquanto você diz uma coisa, seu Ministro diz outra. Então, se realmente pensa assim, demita seu Ministro e nomeie alguém que comungue de suas ideias. Talvez um capitão, já que médico será difícil…


Sinceramente, estou farto. São quinze meses de incompetência, fanfarronice, arrogância, estupidez e incoerência. Este seu pronunciamento, Sr. Presidente, foi criminoso. Será impossível calcular, mas provavelmente seu pronunciamento matará milhares de brasileiros. Penso que isso seja mais do que motivo para um impeachment. Collor e Dilma caíram por muito, MUITO menos. Assim, o Congresso Nacional poderia dignificar-se afastando Bolsonaro em tempo recorde.


Capitão, por amor ao Brasil, por amor à governabilidade, por amor à inteligência e por amor até à hierarquia, deixe o General assumir. Posso não nutrir a maior simpatia por Mourão, mas confio que ele não vai nos envergonhar. Porque isso é tudo que você tem feito nestes quinze meses: envergonhar o Brasil. Você nos envergonhou no solo pátrio e no estrangeiro; você nos envergonhou na ONU e no Planalto; você nos envergonhou em rede nacional e nos noticiários de todo dia; você nos envergonhou sem querer e nos envergonhou desavergonhadamente. Que vergonha, Bolsonaro...


Comments


bottom of page